quinta-feira, maio 06, 2010

Grupos de Amizade





A Assembleia acabou de empossar os grupos de amizade entre Portugal e algumas dezenas de países por esse mundo fora. Estes grupos visam aprofundar as relações entre países, sobretudo, no que diz respeito ao conhecimento desses países e das suas gentes. Sendo acções feitas em Portugal, em favor destes países, parece-me uma excelenete iniciativa. A mim, de acordo com a partição geral, coube-me pertencer ao grupo de amizade Portugal-Cuba e Portugal-Indonésia (este presidido pelo meu estimado amigo e camarada José Miguel Medeiros) duas nações incontornáveis, quer seja do ponto de vista do regime político, quer do ponto de vista da história das relações com Portugal. Espero aprofundar o conhecimento de ambos.




João Paulo Pedrosa

5 Comments:

At 7/5/10 14:26, Blogger Xareu said...

se precisares de ajuda na pesquisa eu posso ajudar se bem que eu acho que a melhor seria nós irmos os dois em viagem aos ditos países para a pesquisa resultar em pleno. hehehe.
abraço e parabens.
SLB4EVER

 
At 8/5/10 12:18, Blogger folha seca said...

Caro Dr. João Paulo Pedrosa

Por falar em amizade e se não me levar a mal, gostava de lhe perguntar se você foi um dos membros do grupo parlamentar do PS que se solidarizou e aplaudio o seu colega de bancada, naquela "estória" da confiscação dos gravadores?
Cumprimentos

 
At 8/5/10 18:59, Blogger Ana Brito said...

Caro João Paulo
Que esta nova experiência seja extraordinariamente enriquecedora e verdadeiramente gratificante no que concerne o aprofundamento das relações cada vez mais multiculturais no mundo em que vivemos e que desta forma possas contribuir para o fortalecimento de uma solidariedade nova.
Um abraço amigo
Ana Brito

 
At 9/5/10 02:05, Blogger Praça Stephens said...

não gosto de viajar, pá. muito menos para a indonésia que é um país muito, muito distante...

 
At 9/5/10 02:09, Blogger Praça Stephens said...

caro folha seca

você, como é publico e notório (está no seu direito), não me "grama", como se isso não bastasse - pode-se sempre ir mais além, de facto - ainda me pergunta pelo meu comportamento numa coisa que não existiu, apre!!!!

 

Enviar um comentário

<< Home